Privalia Outlet Online desiste de IPO

A Privalia Outlet Online cancelou nesta quinta-feira (29) sua oferta pública inicial de ação (IPO, na sigla em inglês), de acordo com dados da Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

Com a desistência da Privalia, o número de IPOs cancelados atingiu a marca de 30, superando as 25 ofertas canceladas no ano passado.

Os recursos captados com a operação seriam direcionados para aquisições, desenvolvimento da plataforma de e-commerce e esforço do capital de giro. Confira o prospecto na íntegra.

A oferta era coordenada pelo BTG Pactual (BPAC11), JPMorgan, Itáu BBA e Credit Suisse.

Perfil da Privalia

A companhia de e-commerce foi criada em 2006 e é referência no modelo flash sales, baseado em um ecossistema que conecta marcas renomadas a consumidores por meio de descontos.

No prospecto, a Privalia informou que possui 15,2 milhões de membros cadastrados, dos quais 5 milhões foram captados no ano passado. Esses clientes realizam, em média, 3,46 milhões de visitas por semana e navegam por quase 90 minutos por mês.

Indicadores Financeiros

A Privalia registrou prejuízo líquido de R$ 14 milhões no ano passado, ante lucro de R$ 12 milhões de 2019.

A receita líquida somou R$ 926 milhões em 2020, ante R$ 741 milhões de 2019.

O Ebitda totalizou R$ 58 milhões no ano passado, contra R$ 45 milhões de 2019.

Já margem Ebitda atingiu 6,31% em 2020, ante 6,13% de 2019.

Leitura recomendada

Confira mais notícias sobre os próximos IPOs de 2021

GetNinjas (NINJ3) inicia período de reserva de IPO hoje