Blau Farmacêutica (BLAU3) vê lucro crescer 174% no 1T21 blau farmacêutica (blau3) vê lucro crescer 174% no 1t21 Blau Farmacêutica (BLAU3) vê lucro crescer 174% no 1T21 blau farmaceutica blau3 e1620726694699

Blau Farmacêutica (BLAU3) vê lucro crescer 174% no 1T21

A Blau Farmacêutica (BLAU3) reportou nesta segunda-feira (11) lucro líquido de R$ 86,1 milhões no primeiro trimestre de 2021. O resultado representa um crescimento de 174% em relação ao mesmo período de 2020.

De acordo com a farmacêutica, o resultado foi alavancado pelo aumento da receita e pela melhora tanto do resultado operacional quanto do financeiro.

A receita líquida cresceu 49% nos três primeiros meses do ano, atingindo R$ 326,1 milhões.

A Blau (BLAU3) explica que o desempenho foi puxado pela divisão de especialidades, que concentra produtos utilizados diariamente em hospitais, como antibióticos, relaxantes musculares e anestésicos.

O Ebitda (lucro antes do juros, impostos, depreciação e amortização) cresceu 82% na comparação com o mesmo período de 2020, totalizando R$ 128,4 milhões.

O resultado operacional (antes do financeiro e dos tributos) foi de R$ 123,5 milhões, aumento de 82,5% na comparação ano a ano.

O lucro bruto foi de R$ 171 milhões no primeiro trimestre deste ano, expansão de 70% frente ao primeiro trimestre do ano passado.

Confira o balanço na íntegra aqui.

A Blau (BLAU3) encerrou o trimestre com despesa financeira líquida de R$ 486 mil. Um ano antes, ela era maior, de R$ 27,6 milhões. A variação foi atribuída pela companhia à variação cambial do período.

Margens da Blau (BLAU3)

A margem bruta da Blau (BLAU3) alcançou 52% nos três primeiros meses do ano, aumento de 6,5 pontos percentuais.

Já a margem Ebitda atingiu 39% no 1º trimestre de 2021, alta de 7,2 pontos percentuais na comparação com igual trimestre de 2020.

Endividamento e Investimentos

Em 31 de março, a dívida líquida da companhia era de R$ 556,9 milhões. Isso representa uma diminuição de % na comparação com igual período de 2020.

A alavancagem financeira da empresa, ficou em 1,2x no final de 2021, alta de 0,8 p.p.

Os investimentos de P&DI da Blau (BLAU3) somaram R$ 86 milhões entre janeiro e março de 2021. A cifra equivale a 4% da receita líquida da empresa.

O CAPEX de imobilizado no 1T21 foi de R$ 49 milhões, um crescimento de 60,4% em relação ao 1T20, referente à aquisição de equipamentos para modernização das plantas; aumento de capacidade para o P210, expansão produtiva em diversas outras linhas; e equipamentos para a nova expansão do centro de PD&Ie manutenção.

Desempenho da Blau Farmacêutica (BLAU3) em Bolsa

A Blau (BLAU3) iniciou a negociação de suas ações na Bolsa em 19 de abril de 2021, após a realização de IPO.

A Blau aderiu ao segmento de listagem do Novo Mercado, em linha com a busca contínua pelos mais altos padrões de governança corporativa.

A operação movimentou um total de R$ 1,2 bilhões em recursos 100% primários, no preço por ação de R$ 40,14, resultado em um free float de 15,6%.

Os recursos serão destinados para a execução do nosso plano de negócios, em especial para:

  • expansão da capacidade produtiva e verticalização de insumos estratégicos;
  • investimentos em centros de coleta de plasma nos Estados Unidos;
  • pagamento do restante da aquisição da Pharma Limirio (atualmente Blau Farmacêutica Goiás); e
  • pré-pagamento das debêntures da 2ª, da 4ª e da 5ª emissões.

Até 07 de maio, a Blau (BLAU3) registrou uma valorização de 7,1% desde sua estreia, em 19 de abril deste ano.

Leitura Recomendada

Veja balanços da empresas listadas na Bolsa brasileira (B3:B3SA3)

Dotz (DOTZ3) registra queda de 19,1% no prejuízo no 1T21